Menu

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Um dia em Central Park

O dia de hoje foi passado em Central Park, que, confesso, era um dos locais que mais curiosidade tinha em conhecer aqui na Big Apple. E nada como um dia de Sol para dar um passeio pelo parque. De manhã, apanhei o ferry para Manhattan e lá fui eu... Tive ainda de andar uns bons quarteirões e cerca de uma hora depois lá consegui chegar ao meu destino. Pelo caminho fui observando e fotografando um pouco de tudo, desde edifícios gigantescos (o que por aqui é totalmente banal!), a igrejas escondidas no meio da imensidão de arranha-ceús, os parques de estacionamento que simplesmente empilham carros em torres (não perguntem como os tiram de lá porque não faço ideia...), a igreja da Cientologia, os hotéis, as charretes que passeiam os turistas...
Como está a decorrer uma Cimeira da ONU aqui em Nova Iorque, o trânsito está ainda mais caótico, há polícias em casa cruzamento, em determinadas zonas, os contentores do lixo foram retirados e por isso tive de andar uns bons cinco quarteirões com a embalagem da minha barrita de cereais na mão até encontrar um caixote, vêem-se constantemente limousines a passar. Está cá o Presidente do Irão, e ainda esta semana chegará o Presidente Obama. Nas notícias fala-se disso, do temporal que houve há uns dias atrás e dos escândalos relacionados com drogas da Paris Hilton e da Lindsay Lohan.
Acabei agora de ver dois episódios do Sexo e a Cidade, aqui são 2h30 da madrugada e o meu Mr. Big já dorme, mas como sei que os meus amigos estão a contar com as novidades fresquinhas pela manhã, aqui fica a selecção das fotos do Day 2.
A travessia de ferry-boat, neste momento já estava arrependida de não ter levado casaco. É que apesar do Sol, estes dias de Setembro já pedem mais do que uma simples t-shirt... Espero não me ter constipado! Ah... O edifício ao centro é o Empire State Building.
Uma igreja Croata, que me despertou a atenção porque só conseguia ver os pináculos, o edifício estava escondido atrás de outros  prédios. Tive de ir dar "uma ganda volta" para conseguir encontrá-la. Pela fotografia, dá para ter uma ideia dos prédios enormes que há à volta deste tesouro.
Um letreiro que vi num prédio em construção e achei piada.
Em Nova Iorque, os semáforos são representados por uma mão vermelha, quando o peão deve parar, ou um bonequinho branco a caminhar, quando o peão deve atravessar.
A Igreja da Cientologia, que descobri a caminho do Central Park. Tinha esperança de ver o Tom Cruise ou o Travolta a entrar ou a sair, mas nada...
Parque de estacionamento com carros empilhados... A questão é, como é que os tiram de lá?!
Junto à entrada do Hotel Ritz, que fica de frente para o Central Park, acumulam-se as limousines, as charretes turísticas e os jornalistas, na expectativa que saia lá de dentro algum líder mundial importante, numa semana que se apresenta sumarenta para a comunicação social, graças à Assembleia Geral da ONU.
Uma das muitas pontes que há em Central Park.
Mais uma das muitas pontes que há em Central Park.
Por entre a vegetação, espreitam os arranha-céus.
Dentro desta casinha há um carrocel antigo.

Um carrocel antigo no Park.
Sheep Meadow, um grande campo de descanso e lazer, catalogada de Quiet Zone, há quem faça pic-nics e quem aproveite para apanhar banhos de Sol. 
O The Mall é uma zona, ou um caminho, do Central Park onde há estátua de escritores importantes. Aliás, em todo o Park há inúmeras estátuas que evocam figuras importantes, como Cristovão Colombo, histórias ou lendas e mitologia.
O Bethesda Terrace, com vista para a fonte e para o lago onde dá para passear de barco.
Estes restrooms, ou casas-de-banho, como preferirem, eram simplesmente nojentos! Já percebi porque é que nos filmes se queixam tanto das casa-de-banho públicas!

A estátua de Hans Christian Andersen, neste recanto com vista para o lago são lidas histórias infantis aos fins-de-semana.
Quem me dera morar num daqueles edifícios... Já imaginaram a vista que se deve ter de lá?!

A estátua da Alice no País das Maravilhas, com a Lebre e o Chapeleiro.
Um autocarro turísitico antigo à espera de passageiros.
Uma School Bus a atravessar uma das estradas existentes no Park, a partir das 15h vêem-se muitas em Nova Iorque.
Um esquilo a passear no Park.
Outro esquilo, há tantos em Central Park! E são tão fofos, com os seus rabos felpudos!
Dentro do Central Park há um Zoo que eu não fui visitar porque faltava pouco mais de meia hora para fechar, mas claro que não podia deixar de entrar na loja, que tem o original nome de Zootique. Ainda não sei se é a este Zoo que se referem no filme Madagascar porque entretanto soube que há um Zoo maior e com mais espécies do que este em Brooklin, é algo que tenho de ir investigar, porque a minha sobrinha Inês me pediu para tirar uma foto com o Alex, o Leão!
Uma limousine a cruzar o Central Park, a área é tão extensa que há estradas lá dentro.
Um dos vários caminhos por onde me perdi ao longo de 3 horas.
<>
A loja de souvenirs do Central Park é este chalé fofinho!

4 comentários:

m. disse...

ai, que inveja!!!! da boa, claro! só em pensar em poder estar aí e comer os jelly beans que servem de fundo do teu blog, já me dá água na boca. imagina poder fazer todas as outras coisas alucinantes que tu agora vais poder fazer!!! have fun, por nós a duas. beijos desde barna

Red Shoes disse...

Muito bom!! Deves estar a ver coisas fantásticas, só pelo 'cheirinho' que puseste aqui... Espero que te continues a divertir muito, e a dar-nos muitas notícias! Beijos!!

Búzio disse...

Uau, também quero! Muito fixes as fotos. E já que foi o primeiro post do blog muitas felicidades para esta grande aventura :D

Verita disse...

Adorei!!!!

Obrigada pela partilha!!!

Have fun ;)